Grupo de Jovens Líderes

As escolhas mudam nossas vidas – ON THE JOB

As escolhas mudam nossas vidas – ON THE JOB

“Deixe a vida me levar, vida leva eu…” A música de Zeca Pagodinho é muito poética e seria bom se não precisássemos fazer qualquer escolha e deixar a vida nos levar. Imagino essa música como se fossemos uma planta e a água do rio nos levando a seu capricho, para onde quer que ela corra. A planta poderia ficar em um barranco e florir ou ser levada a sua sorte. Enroscar em uma curva do rio, parar sobre uma pedra, secar ao sol, colhida por alguém, comida por um peixe ou chegar até o mar salgado em um ambiente hostil e lá perecer, sem florir, sem reproduzir.

Se a flor pudesse ter escolha, com certeza não iria querer esse destino ou essa sorte. Poderia fazer seu próprio destino e a sua própria sorte, escolher ficar em um campo ou jardim, receber sol e chuva na medida certa para florir, dar frutos e continuar sua missão de vida e reproduzir.

Por outro laudo, poderíamos escolher e não ser a melhor escolha. Devem ter assistido ao filme Mr. Destiny, com Michael Caine e James Belushi, em que depois de ter uma pane em seu carro, entra em um bar e conversa com o barman (Caine) sobre a sua sorte e lamentar-se de um fato ocorrido em sua
vida quando errou uma rebatida de bola de beisebol. Se tivesse acertado, teria casado com uma garota do colégio e seria dono da empresa em que trabalhava.

Essa era a escolha que queria ter feito acertar a bola, então o barman, que era o Sr. Destino mudou sua vida a partir dessa alternativa. O que vivenciou a seguir não era o que o faria se sentir feliz.

Nossas vidas são feitas não de grandes escolhas mas de pequenas escolhas, que combinadas geram o produto que resultará em sucesso ou insucesso.

Empreendedorismo é uma escolha

Quando se escolhe o empreendedorismo, trata-se de uma escolha mais difícil. Essa escolha dependerá muito de si mesmo, enquanto que a de um profissional especialista estará inserida em um contexto da empresa, que poderá ser um apoio ao desenvolvimento da sua carreira.

A pesquisa desenvolvida pela Endeavor de Cultura Empreendedora no Brasil*, revela que o Empreendedor tem que possuir todas estas características: Otimismo, Autoconfiança, Coragem para aceitar riscos, Desejo de protagonismo, Resiliência e Persistência.

Essas características suportam ter que fazer escolhas difíceis e assim, suportar o peso delas, enfrentar as dificuldades, não desistir se houver fracassos e retomar tudo de novo.

Tenha sempre muitas escolhas para fazer

Isso é o que sempre digo para meus colaboradores, não é de boa técnica ter somente uma alternativa. Crie muitas escolhas, pois, da quantidade virá a qualidade, naturalmente, porque terá mais opções ao seu alcance.

Às vezes pensamos que a escolha que fazemos é a melhor. Será mesmo? Quando a fizemos, tínhamos outras alternativas ou somente aquela única? Se tiver somente uma escolha nunca saberá se foi a melhor. Assim, devemos gerar muitas alternativas para ponderar e avaliar entre elas qual será a melhor escolha a ser feita.

Para fazer as melhores escolhas, siga estes passos:

1. Estabeleça um objetivo de vida que pretenda alcançar. Se não tiver isso claro, comece com um sonho, depois coloque uma data, uma previsão de quando deverá alcançar.

2. Crie diversas opções e alternativas, sem utilizar qualquer julgamento, postergando o julgamento, nesse passo.

3. Faça um balanço das alternativas, analise as possibilidades e faça testes. Utilize o processo racional, mas também confie o intuitivo.

4. Comprometimento com o objetivo é essencial, ter confiança na escolha feita. Significa que estará motivado para realizar o que pretende. Sua centelha interna estará acesa.

5. Tenha atitude a todo momento que exigir ação. Lembre-se, iniciativa é reagir sobre algo já ocorrido. Proatividade é antecipar algo que poderá ocorrer e atitude é agir definitivamente para remover qualquer dificuldade.

6. Mente aberta e receptividade. A flexibilidade mental permite que haja adaptações, melhorias e evolução nas suas escolhas.

7. Arrisque mais, pois, correr risco faz parte de escolhas. Experimente, somente assim podemos saber se funcionará. Utilize sua intuição e tenha muita coragem.

Lembre-se que as escolhas mais difíceis são as melhores. Escolher assistir um encontro de empreendedorismo num sábado à noite é mais difícil que comer uma pizza e tomar um chope. Escolhas fáceis não empreendem, qualquer um faz, é lugar comum.

Faça boas escolhas, lembrem-se, são aquelas mais difíceis, e tenha muito sucesso!

 

Publicado por A. J. Limão in Atualidades, Blog, Sem comentários